25/02/2014

[PARCEIRO] #GRUPO EDITORIAL AUTÊNTICA


Autêntica se transforma em Grupo Editorial

     A Autêntica Editora, criada em 1997 com foco em publicações acadêmicas, se consolidou no mercado editorial brasileiro e diversificou seu escopo ao longo desses quase 15 anos de atividades. Para continuar fiel à sua perspectiva de lançar livros de qualidade, buscar assuntos inovadores e, ao mesmo tempo, atender às demandas de seus públicos, a casa passa a ser, em 2011, um grupo – o Grupo Editorial Autêntica. Com títulos em áreas variadas, o grupo possui agora três editoras: a Autêntica Editora, com foco em livros nas áreas de Ciências Humanas e literatura infantil; a Editora Gutenberg, criada como selo em 2003, com títulos de interesse geral; e a Editora Nemo, um projeto recente, destinado à publicação de quadrinhos.

Autêntica Editora

     A Autêntica Editora chega em 2011 com cerca de 500 publicações. Já reconhecida por seu trabalho com o público acadêmico e por suas obras destinadas às áreas das Ciências Humanas, a Editora passou a publicar, nos últimos anos, livros com temas mais abrangentes e diversificados. O catálogo contempla obras de Antropologia, Cultura Negra, Sociologia, Historiografia, Comunicação, Cinema e Teatro, Literatura Brasileira e Estrangeira, Biblioteca Escolar, Linguística, Educação, entre outros. A editora também assumiu o desafio de trazer para a língua portuguesa obras de Filosofia fundamentais para seus leitores. Exemplos dessa empreitada são a tradução bilíngue (latim-português) de Ética, de Spinoza, e Vocabulário de Foucault – Um percurso pelos seus temas, conceitos e autores, do argentino Edgardo Castro. Além disso, publicações importantes em áreas mais específicas da Educação, como Pedagogia/Formação de Professores, Filosofia da Educação, Educação de Jovens e Adultos (EJA), Educação Matemática, Ensino da Escrita e da Leitura, História da Educação, entre outras, integram seu catálogo.

Bom gente essa é o post de divulgação de parceria com a Editora Autêntica, fiquei muito feliz em conseguir mais uma parceria que com certeza enriquecerá as resenhas do SBÂ é um orgulho muito grande ter essa parceria.                                                      
                                             

19/02/2014

[PARCEIRO] #GIZ EDITORIAL



O Sob Vários Ângulos, tem o orgulho de citar mais uma parceria, e é com a Giz Editorial. Estou muito orgulhosa e agora vou mencionar mais sobre a Editora para que possamos conhecê-la melhor, vamos começar?

Fundada em 2005, a Giz Editorial, desde o início, produz e comercializa material editorial de qualidade e relevância, principalmente de origem nacional. Em seu catálogo, abrange um espectro variado de assuntos e destaca-se nas oportunidades oferecidas aos autores de literatura. 

A partir de 2014, está ampliando ainda mais suas áreas de atuação, com o lançamento de dois selos: Giz de Cera, para publicação de livros infantis e GiBiz, com que entrará no mercado de histórias em quadrinhos. 

No Giz de Cera, os primeiros trabalhos serão obras sensíveis escritas pelo jovem e premiado Emerson Machado, que visam introduzir a percepção infantil a temas difíceis, como autismo. Seu primeiro livro na Giz chama-se O amigo que se tornou uma estrela e fala sobre como encarar a perda. 

No GiBiz, o pontapé inicial será dado com a republicação de Jambocks, de Celso de Oliveira, em volume único. Trata-se de uma reconstituição em quadrinhos da aventura da FAB durante a Segunda Guerra Mundial. Os desenhos serão de Ton Albuquerque, um talento recém chegado ao mercado.

Para o público juvenil, Georgette Silen, autora de Fábulas ao Anoitecer, As Crônicas de Kira, Lázarus e Panaceia, lançará As três princesas negras, uma coletânea de contos baseados na obra dos Irmãos Grimm. O primeiro de uma série em três volumes.

E o time de autores da Giz ganhou mais um talento: O vlogueiro Danilo Leonardi, do site e canal Cabine Literária, que está escrevendo um romance juvenil sobre bullying.

(Clique e baixe o release completo.). Isso é só o começo da #ChuvaDeGiz!

15/02/2014

[RESENHA] #MINHA NAMORADA VIRTUAL


Hello Bibouss, tudo okay? Hoje a resenha é dedicada a um livro de parceria do Sob Vários Ângulos, Minha Namorada virtual. A autora Merari Tavares me enviou este livro autografado e eu fiquei muito animada em lê-lo, mas chega de conversa e vamos começar a resenha.

Este livro foi escrito por Merari Tavares.
Tem o total de 105 páginas.
Nota: ★★★

Sinopse: Minha Namorada Virtual” é um livro em que envolve uma história romântica de dois jovens que se conhecem pela internet. Quem nunca conversou ou conheceu alguém pela internet e, até mesmo chegou a dizer que estava namorando virtualmente? Quando os colegas lhe perguntaram: “Você namora?”, respondeu algum dia: Sim, namoro. Conheci um rapaz pela internet. Conversamos todos os dias pelo MSN e até pelo telefone. A voz dele é tão linda...”. Será que você nunca vivenciou uma cena dessas?! Até mesmo você, que é casado (a), nunca ficou tentado (a) em acessar um site de bate-papo e teclar com alguém? Imagino que sim, pois muita das vezes, a internet nos faz cosquinhas e a emoção fala mais alto. Muito bem! No livro “Minha Namorada Virtual”, você irá presenciar e vivenciar cenas emocionantes, desafios em que os personagens enfrentarão. Você identificará no decorrer da história, cenas muito comuns do nosso cotidiano. Muitas vezes as aflições, imprevistos, falhas são necessárias para que acertemos e não cometamos o mesmo erro. Fred é um garoto de dezoito anos, que se formou em análise de sistemas, e, está prestes a conquistar o seu primeiro amor. Ele acaba conhecendo Kate em um bate-papo da UOL. Faz de tudo para ela notar que está perdidamente apaixonado. Os meses passam e eles começam a namorar, mas num certo dia Fred vai à balada e embebedado troca alguns beijos calientes com outra garota. Kate que passava por lá, presencia a cena. Eles têm uma discussão e terminam o namoro. Com isso Fred segue o conselho de seu amigo e vai tirar umas férias em Londres. E agora, como ficará o romance deles? Acompanhando-o, você vai sentir o gosto de muita aventura e romance criada por Merari Tavares, que sabe como ninguém, inventar histórias em que não faltam emoção e suspense.            
Fred Osborn um rapaz de dezoito anos, começou a trabalhar em seu próprio escritório e num momento mais relaxado, começa a teclar com Mrs. Misteriosa. Ambos sentem afinidades um pelo outro e começam a teclar e se conhecer melhor. Fred descobre que o nome de Mrs Misteriosa é Kate e a convida para sair.

Mas nem tudo são flores para sempre, Fred acaba sendo envolvido em um situação desagradável, quando Rony seu melhor amigo o convida para um baile. Mas o que será que aconteceu neste baile que destruiu as esperanças de Fred de ser feliz?

"Kate, Eu e Você e nada mais. Nem mais um sinal. Nem mais perguntas. Eu e Você. Basta pra se sentir feliz. O mundo inteiro poderia parar e aplaudir Eu e Você, pois dançamos muito bem. Não erramos nem um passo que a vida nos ensinou e que o Amor aprovou".

O livro é fofo, os acontecimentos são bem rápidos e por isso eu não fiquei entediada, a todo o momento acontecem coisas na estória do livro. Achei a capa muito bonita, pois as cores são em degradê dando um toque especial. O livro é bem fininho, então não demorei para concluir a leitura.

O personagem principal é muito especial, mas devemos ter cuidado em nos encontrar com pessoas desconhecidas da internet, muitos não são confiáveis e por isso é preciso ter cautela. Minha Namorada virtual é um livro romântico, eu recomendo aos apaixonadas que o leiam e os que nunca se apaixonam também, talvez eles se apaixonem pela ternura por baixo dessas páginas.

12/02/2014

[RESENHA] #O VOO DE ICARUS






Sinopse: Num futuro próximo, na cidade marítima de Agartha, a vida do jovem Icarus oscila entre dois vícios: a realidade virtual e uma droga alucinógena denominada nirvana. Em busca de tratamento médico, ele acaba se tornando voluntário para a experimentação de um avançado medicamento baseado na nanotecnologia, o Sinaptek, o qual, posteriormente, lhe causa uma extraordinária reação adversa: a projeção de sua consciência, o que lhe permite viajar por diversos lugares do planeta e para outros mundos, empreendendo uma jornada do centro do universo ao centro da inconsciência humana. Estaria tudo, apenas, na mente de Icarus?






O voo de Icarus, é um livro que aborda temas como a tecnologia futurística e as drogas alucinógenas, a trama toda se passa em uma ilha conhecida como Agartha, um lugar que abriga pessoas de diferentes nacionalidades. Agartha é o lugar que Icarus mora e trabalha atualmente, porém este mesmo lugar é o palco de estudos e pesquisas que desenvolveram uma droga alucinógena conhecida como Nirvana, a droga mais consumida pela população e também por Icarus, que se vê viciado pelo Nirvana e por ficar tempo demais envolvido por uma realidade virtual.

Quando ele começa a ter reações anormais a cerca dos vícios, sua amiga de trabalho Ceres, indica um médico que aplica um tratamento se outro nível em Icarus. Um medicamento muito recente e considerado eficaz denominado Sinaptek. Depois da primeira dose, Icarus sente melhoras significativas e começa a se sentir extremamente bem e relaxado. Mas toda estória tem seu porém. Quando ele vai a uma festa com amigos, um colega de trabalho, faz Icarus inalar nirvana, então ele começa a ter alucinações sobre a vida e sobre a realidade.

Icarus começa a usufruir dessas “alucinações”, e começa a ingerir propositalmente mais doses de Nirvana, que o faz viajar pelo inconsciente do próprio cérebro e lá conhece uma pessoa, que tem um propósito revolucionário em mente.  Icarus acredita em sua visão sobre fatos que ocorrem na trama e se sente realmente perturbado e vai à busca da verdade. Será que a verdade é o que ele realmente acredita? Icarus viajou a própria mente para descobrir que...

Este livro foi escrito por Estevan Lutz.
Tem o total de 239 páginas.
Nota: ★★★★

10/02/2014

[PARCEIRO] #ESTEVAN LUTZ

Hello bibouss, tudo okay? Uma uma parceria aqui no blog com Estevan Lutz, autor do livro: O voo de Icarus

Sobre o autor
Biografia: Estevan Lutz é gaúcho, natural de São Sebastião do Caí. Além de arquitetar mundos paralelos e futurísticos, também é projetista elétrico industrial. Em 2010, lançou pela Novo Século Editora, o romance cyberpunk “O Voo de Icarus até onde nossa mente pode nos levar?”. Já participou de várias antologias da literatura fantástica nacional. Adora pesquisar, ler e reler temas ousados e especulativos da ciência que quase ninguém suportaria ler. Têm como referência os autores Arthur C. Clarke, Isaac Asimov, Aldous Huxley, Carl Sagan, Douglas Adams e, o mago da pena e papel, William Shakespeare.
Suas obras

- O voo de Icarus - Novo século editora, 2010

Antologias:

- Draculea, o livro secreto dos vampiros – All print editora, 2009.
- Invasão - Giz editorial, 2009.
- O mal bate à sua porta
 





Sinopse: Até onde nossa mente pode nos levar?Num futuro próximo, na cidade marítima de Agartha, a vida do jovem Icarus oscila entre dois vícios: a realidade virtual e uma droga alucinógena denominada nirvana.Em busca de tratamento médico, ele acaba se tornando voluntário para a experimentação de um avançado medicamento baseado na nanotecnologia, o Sinaptek; o qual, posteriormente, lhe causa uma extraordinária reação adversa: a projeção de sua consciência, o que lhe permite viajar por diversos lugares do planeta e para outros mundos, empreendendo uma jornada do centro d universo ao centro da inconsciência humana.Estaria tudo, apenas na mente de Icarus?







Onde encontrar


02/02/2014

[RESENHA] #SEGREDOS




Ficha técnica
Título: Segredos
Autor (a): Bolivar Soares
Editora: Dracaena
Gênero: Literatura nacional
Ano: 2012
Páginas: 593
Avaliação: 

Sinopse: Prefácio de Aguinaldo Silva autor de novelas da Rede Globo. Quando, após o que eu chamaria de arranca-rabo, do qual participa boa parte dos personagens do livro, a matriarca da família Souza e Lima anuncia: Acho que nossos problemas estão se acabando. O leitor certamente dirá: “e que problemas!”. Pois problemas em literatura, vocês sabem, são provocados pela existência de boas tramas. E Segredos, este alentado romance de estreia de Bolivar Soares, é o mais pródigo em boas tramas dos muitos que li nos últimos tempos tantas que eu, cultor do subgênero televisivo que sou, diria a vocês sem pestanejar: sim, esse livro daria uma ótima novela. Mas não é telenovela o que Bolivar Soares faz em Segredos, é literatura, e a diferença entre uma coisa e outra não é apenas relativa. Este, sem dúvida, é um romance; e o que posso dizer a respeito dele, é que se trata de um romance como há muito tempo não se lia. Na contracorrente da literatura atual, que se esmera em mais sugerir do que dizer (e menos ainda afirmar), em que tudo pode ser, mas nem sempre é, e por isso nunca rende mais do que 150 páginas em corpo graúdo, Bolívar faz uma verdadeira reversão de expectativa no gênero e produz uma obra que eu chamaria de versão pós-moderna de “Crônica da Casa Assassinada” (lembram? Lúcio Cardoso, um grande, imenso, escritor, ora caído no mais injusto esquecimento). Vejamos como a obra é apresentada: “Um segredo encoberto há mais de 40 anos pela poderosa família Souza e Lima e o suspense em torno do assassinato da jovem Francis Mendes se fundem em uma trama de ambição, ódio e mentiras. A bela Luiza Mendes, engenheira de alimentos, instala-se na cidade de Gramado, RS, não só para descobrir o assassino de sua irmã, morta de forma hedionda, mas também para destruir os possíveis suspeitos do crime, os membros das poderosas famílias Souza e Lima, e Guerra. Em sua luta por vingança e destruição, Luiza não tem escrúpulos. Após infiltrar-se em um meio que acalenta ódio, Luiza não mede esforços para atingir seus objetivos, desencadeando uma trama de intrigas, traição e assassinatos a sangue frio. O que ela não imagina é ser avassalada por uma paixão arrebatadora, e todo o seu ódio passa a não ter mais sentido”. A apresentação é precisa e deixa bem claro, aos que lerão Segredos, o que vão encontrar pela frente: o modelo clássico da disputa familiar, luxuosamente enriquecido pelas tintas do melodrama. Ao longo das 596 páginas do livro (no original), Bolívar Soares maneja suas várias tramas e suas dezenas de personagens com vigor e maestria. Tudo faz sentido, não há um deslize, um senão, e quando finalmente se chega à frase da matriarca dona Cecília, que já citei acima, a mais simples afirmação que se pode fazer sobre o autor é que ele é um mestre da tessitura. Suas histórias se juntam e se separam como os fios de uma esmerada teia, até que, no final, o leitor se vê diante de um desenho perfeito. Esse trabalho de artesão, hoje tão raro em nossa literatura, é apenas um dos méritos do autor, mas não o maior,que é sua capacidade de criar histórias e jamais perder o fio delas. Por isso, Segredos é um romance cujo final se persegue com verdadeira unção, pois só lá é que todos os mistérios, afinal, serão desvendados, todas as histórias se tornarão uma só e, então, como sempre acontece nos grandes romances, tudo fará sentido.  

    Tudo muda na vida de Luiza Mendes quando esta, acredita que sua irmã foi assassinada por um membro das famílias Sousa e Lima e Guerra. Ávida por vingança ela surge na vida destas pessoas para começar a dar início ao seu plano de vingança, já elaborado na mente da engenheira. Esperando a oportunidade certa ela consegue se infiltrar na casa da família Sousa e Lima se passando por uma moça bonita e educada. Mas seu inimigos não podem imaginar a raiva e o ódio que Luiza sente por ter que conviver com o assassino de sua irmã.
   Luiza se envolve com o dono da empresa que a família Sousa e Lima já foi dona um dia. Ela começa a colocar seu plano em prática se casando com o chefe e por consequência se tornando a dona da empresa que a família Sousa e Lima acredita que vai ter de volta um dia, pois Benjamim o dono da empresa de laticínios enganou Dona Mariana Sousa e Lima para que ela o deixasse em paz. 
   Quando Gabriel Souza e Lima filho de Mariana volta de viagem com a esposa Silvia Guerra (ex alcoólatra) do Rio de Janeiro voltando para sua cidade materna, Luiza direciona sua vingança no casal feliz que aparentam ser. Luiza é enganada por Gabriel e acaba...
  Mas uma reviravolta cheia de segredos a serem revelados surpreende o leitor, o final me surpreendeu muito, gostei muito do destino que alguns personagens tomaram, transformando a estória toda em um grande mistério a ser descoberto, a vida de todos está nas mãos de Luiza, o que será que ela reservou para essas famílias que ela tanto despreza?
   O livro em si, me pareceu uma novela cheia de intrigas, brigas e romances proibidos. Sem dúvida o clímax do livro é o final que me surpreendeu bastante, sinceramente não esperava aquele final. O livro é bem grosso e a escrita é coerente e fácil de entender. As folhas são amarelas e a capa é muito bonita. Gostei de vários personagens e odiei outros, mas todos foram essenciais para dar ênfase à trama criada por Bolivar Soares.
Kissus
©
.
.
imagem-logo